MIS exibe acervo pessoal de Renato Russo a partir desta quarta-feira (6)

Reprodução Cinthia Bueno – Acervo Renato Russo

Um acervo com cerca de mil objetos, dentre os quais cartas, cadernos, desenhos, fotografias, roupas, livros e até discos e instrumentos musicais compõe a exposição Renato Russo, em exibição ao público a partir desta quarta-feira, 6 de setembro, no Museu da Imagem e do Som (MIS), zona sul da capital. A exposição, que vai até o dia 28 de janeiro, revela a vida e a obra deste ícone do rock brasileiro, um artista multifacetado, que produziu, além de grandes letras, desenhos e pinturas, bem como uma peça de teatro e projetos cinematográficos.

Nesse universo de imersão na história pessoal do músico, o público terá a oportunidade de conhecer ambientes do apartamento de Renato Russo, no Rio de janeiro, recriados de forma bastante realista pelos curadores da mostra.

Depois de intenso trabalho de restauração e catalogação do acervo, a exposição torna-se realidade por meio da colaboração do filho de Renato Russo, Giuliano Manfredini, que se inspirou na exposição de David Bowie, realizada também pelo MIS, em 2014.

Dentre as curiosidades da exposição, o público poderá conferir as coleções de anjos e de baralhos de tarô de Renato.

Serviço:

Exposição Renato Russo

Museu da Imagem e do Som

Av. Europa, 158 – Jardim Europa – São Paulo – tel. 2117-4777

Até 28 de janeiro de 2018, de ter a sáb, das 10h-21h; dom e feriados, das 9h-19h

Ingressos: R$ 30 (inteira), R$ 15 (meia), ter (grátis)

Informações: http://www.mis-sp.org.br/icox/icox.php?mdl=mis&op=programacao_interna&id_event=2401]

Vendas: Ingresso Rápido (https://www.ingressorapido.com.br/)